Espetáculo de dança contemporânea retrata, de forma poética, o universo devastador dos usuários de crack

O Núcleo Pedro Costa Cia. De Dança reestreia o espetáculo Pipando… Onde dormem os pássaros, contemplado pelo 22º Programa de Fomento à Dança para a Cidade de São Paulo. Após 07 anos, a Cia retoma sua pesquisa nos espaços ocupados da chamada Cracolândia.

Pipando… Onde dormem os pássaros é resultado de uma pesquisa genuína de observação que levou os intérpretes-criadores a investigarem as complexidades de um ambiente inóspito, permeado de violência, opressão e de renúncia a qualquer autoestima, onde circulam identidades distintas, deformadas pelo poder voraz da droga. Percebendo como esses estímulos reverberavam em seus corpos, o grupo chega a uma dramaturgia corporal que potencializa os movimentos para comunicar através da dança. O resultado é uma criação coreográfica contemporânea, que dialoga com a vídeo-dança, hip-hop, contato e improvisação. A Cia. escolheu como local para a pré-estreia, o Teatro de Contêiner da Cia. Mungunzá, por tratar-se de um polo cultural inserido na “Cracolândia” e contatou as equipes do Consultório na Rua da região Centro, serviço da atenção básica do SUS que atende a população em situação de rua. com a proposta de mobilizar os profissionais e os usuários, aproximando a produção artística das políticas públicas.
Ao final do espetáculo, serão apresentados os caminhos percorridos na pesquisa realizada pelo grupo com vistas a estimular o debate e a reflexão sobre o tema, além do conteúdo específico que envolve a prática artística. O espetáculo tem direção e concepção do bailarino e coreógrafo Pedro Costa.

16Pesquisa e criação coreográfica

Diante da complexidade da questão, a proposta da pesquisa procura trazer luz à problemática, sem pretensão de defender um ou outro tipo de abordagem específica. A dramaturgia do espetáculo tem como base as pesquisas empíricas e bibliográficas realizadas pelo grupo que abordam a questão da dependência química a partir do conceito ampliado de Saúde, onde as interações sociais são determinantes enquanto motivadoras das experimentações individuais.

No caso do crack, essas experiências inserem o individuo em uma rede complexa de violência, seja ela física, psicológica, institucional ou sexual, levando-os ao rompimento dos vínculos familiares e transformando sua relação com o espaço privado e com as regras socialmente aceitas, fazendo-os abdicar de conforto, higiene, alimentação, socialização.

pipando02

Concepção de Cenário, Figurinos, Iluminação e Música 

Com cenário minimalista, “Pipando… Onde dormem os pássaros” faz uso de recursos audiovisuais e da iluminação como elementos fundamentais para a construção da atmosfera do espetáculo, abusando de recortes geográficos que mudam de acordo com a representação de cada criador-intérprete. O resultado é uma composição de luzes e movimentos que transferem para o palco o cotidiano urbano das grandes cidades. A vídeo-dança dá fluência às ações de cada personagem.

O figurino do espetáculo acompanha as características e movimentações de cada personagem. Inspirado no dia a dia de uma metrópole, os trajes são despojados. Os objetos que compõem as cenas recebem outros significados além de suas utilidades. Migalhas de pão, por exemplo, representam não só a fome, mas as próprias pedras de crack que as personagens anseiam.

O espetáculo tem trilha sonora original e é inspirada nos ruídos da cidade e da própria Cracolândia. Ruídos de buzinas, sirenes, vozes sombrias, burburinho de pessoas e de construções se misturam a sons eletrônicos que conduzem às emoções vividas pelos personagens.

13

 

Anúncios

Um comentário sobre “O Espetáculo

  1. Vi a apresentação de vocês no teatro Alfredo Mesquita e achei sensacional. Está arte merece toda divulgação, por falar de um assunto tão grave como a situação da Cracolãndia e o efeito das drogas. Vocês estão de parabéns pela peça.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s